Entre aspas

‘eu vou comprar a revista que tem a menina que é a sua cara. vou colar na porta do quarto, no caderno, na agenda, dobrada carteira. vou fugir correndo do trabalho e comprar a revista da menina que é é a sua cara. só te vi uma vez mas eu lembro, embora houvesse tanta vodca, e vinho, e cigarro, e música e gente. embora ela seja só uma menina de uma revista, e talvez possa até ser mais interessante que você, mais esperta que você, mas eu não quero saber. embora ela não tenha a sua voz e o cheiro do seu cabelo ela ainda é a sua cara. embora ela não seja você, é melhor do que seguir sem nada seu (ou que eu tenha inventado que é um pouco de você)’.

12935394_10209160541909830_430279372_n (1)

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s