desejos para 2017

goalie_1

quem é ligado em astrologia já deve estar sabendo que 2016 encerra um ciclo de 36 anos, período em quem ficamos sob domínio do sol. foi um tempo de egoísmo, individualismo e imediatismo, dizem.

que está acabando. passaremos, pelos próximos 36 anos, a ser regidos por saturno.

só que a coisa não melhora tanto assim, porque saturno não é um cara tão legal. na ordem de distância da terra, só perde pra urano, netuno e plutão. ou seja, longe demais. e também muito afastado do sol. é frio, escuro e por lá venta muito. um astro nada simpático, na minha humilde opinião.

o que ele traz de bom? amadurecimento, dizem.

para quem não é de astrologia, e eu acho que eu não sou, servem as dicas seguintes: em 2017, leia bons livros. faça uma lista e tente seguí-la. veja filmes e séries, converse com as pessoas de quem você gosta, e com as que não gosta também. ficar isolado na internet trocando ideias com quem concorda com a gente é tentador, mas até o seu tio reaça pode estar disposto a ouvir, não necessariamente sobre a teoria queer ou a luta pelo fim do patriarcado, mas sobre uma receita de bolo de laranja, e ele pode dar uma dica de cobertura, há chances de vocês trocarem algumas frases gentis e um dia, quem sabe, conversarem amigavelmente sobre política.

e se o tio reaça for realmente tão reaça a ponto de barrar qualquer diálogo, por mais fútil que seja, siga a filosofia jorge ben jor e então evite qualquer relação com pessoas de temperamento sórdido. é necessário, em alguns casos.

não subestime o fútil, aliás. as futilidades são bem-vindas, fazem parte da vida e aliviam um tanto o peso dos dias. da comédia romântica da sessão da tarde ao novo corte de cabelo, futilidades caem bem. inclusive para boas conversas. profundidade demais cansa, ninguém aguenta.

perca tempo necessário com filosofias desnecessárias, como o porquê da lagartixa conseguir ficar grudada na parede ou o tamanho do coração de um beija-flor. esteja munido de bons pensamentos, entre eles os extremamente desnecessários, mas que trazem leveza à alma.

seja – ou torne-se – uma pessoa leve, partidária dessa leveza que prega maria bethania ao dizer que não fala mal de quem não está presente e não pronuncia o nome de gente que faz maldade. adote isso para a vida.

ou dessa leveza de que fala hilda hilst, uma leveza ainda que fantasiosa mas que pode fazer o caminho alheio um tanto mais suave:

nave
ave
moinho
e tudo mais serei
para que seja leve
meu passo
em vosso caminho

apegue-se a ídolos improváveis. se for o caso creia em um deus, mas aceite, sobretudo, a sabedoria de pequenos deuses de carne e osso, como sua avó, sua professora da primeira série, a aranha que, como diz gil, vive do que tece; ou a sua própria mente.

aprenda novas receitas, faça novos amigos, retome amizade com amigos antigos, abra mão da presença de quem não acrescenta nada de positivo (mas saiba que quase todo mundo tem algo acrescentar), mude um hábito, ouse praticar um esporte diferente, procure cursos gratuitos e vá em frente: teatro, canto, francês, estamparia, escultura, confeitaria; e ajude alguém: com lições de matemática, com a mudança de casa, com as compras que caíram da sacola ou com um abraço.

viaje muitos quilômetros para ver alguém que você gosta, mesmo que custe algum dinheiro. você não precisa trocar o celular por um modelo mais novo, mas ver a sua amiga de infância você precisa sim, com certeza. planejar uma viagem dá preguiça, sair da zona de conforto é um saco, mas depois que a gente parte só pensa em porque é que não fez isso antes. então, faça isso pelo menos uma vez neste ano.

seja honesto com você mesmo, e entenda suas prioridades.

sobretudo, não dê tanta importância ao que não merece. lembre-se que numa terra onde dinoussauros foram extintos; e que vive sob risco de novos meteoros, pouquíssimas coisas são realmente importantes, por mais que a nasa garanta que está usando as tecnologias mais avançadas para prevenir novos desastres. porque até a nasa pode errar.

assim espero.

 

*A sugestão da música é do Márcio

*A foto é de Jordan Matter

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s